Laserterapia na Paralisia Facial







A paralisia facial de Bell é a patologia mais comum que afeta o nervo facial e foi descrita em 1821 por Sir Charles Bell. Ocorre unilateralmente e não apresenta causa específica1,2 e sua etiologia pode estar associada a trauma, compressão, infecção, inflamação ou ser de origem metabólica.

O tratamento da paralisia facial de Bell é baseado na utilização de anti-inflamatórios esteroidais, fisioterapia e acompanhamento fonoaudiológico. Exercícios de relaxamento e alongamento da musculatura mastigatória e exercícios de fortalecimento da musculatura de sustentação da cabeça e pescoço são indicados, assim como exercícios musculares para as alterações das produções articulatórias da fala e das funções de mastigação e deglutição.

Antes de falar como a laserterapia pode ajudar no tratamento da Paralisia Facial, é importante ressaltar que a Laserterapia  é um recurso e não um método de tratamento. É utilizado caso seja verificado que este recurso será benéfico ao paciente. O laser é um tipo de radiação eletromagnética que ao ser irradiado sobre o tecido humano traz inúmeros benefícios.

Quando o utilizamos em pacientes com o quadro de paralisia facial, o laser pode proporcionar melhora nas funções de mastigação, na palatalização, permitindo, em alguns casos, o retorno mais rápido à via oral e a variadas consistências.

Em relação à terapia indireta, a laserterapia pode ser aplicada a fim de estimular o trofismo da musculatura que, junto dos exercícios miofuncionais, favorecerá a tonificação ou o relaxamento muscular.

No tratamento da Paralisia Facial com o Laser, o objetivo é promover à modulação da inflamação e estimula a regeneração do nervo lesionado.

Para ESTUDANTES e PROFISSIONAIS de FONOAUDIOLOGIA

Tenho 2 cursos incríveis para indicar sobre Laserterapia na Fonoaudiologia. O primeiro é um congresso completo online só sobre LASERTERAPIA. Clique aqui e saiba mais.
O segundo é um curso de Laserpuntura, com uma excelente professora e conteudo completo. Clique aqui para saber mais!



Dicas para profissionais
  • 3º Conafono – Disfagia
  • Drive Virtual de Fonoaudiologia
  • Curso online de Fonética e Fonologia

  • Comente:

    Nenhum comentário